F1: Ferrari explica origem do acidente na box durante o GP do Bahrain

  • Redação Autoportal
Mecanico da Ferrari magoado no GP do Bahrain (Lusa)
Mecanico da Ferrari magoado no GP do Bahrain (Lusa)

A Ferrari explicou que uma falha eletrónica esteve na origem do acidente na box da equipa durante o GP do Bahrain de Fórmula 1.

Kimi Raikkonen teve sinal verde para partir de volta para pista quando ainda não estavam trocadas as quatro rodas e um mecânico responsável pela que faltava foi atropelado quando o carro arrancou.

Francesco Cigarini ficou com uma perna fraturada e foi operado no dia seguinte. O mecânico da Ferrari já recupera em sua casa em Itália e o diretor da equipa italiana explicou agora o que aconteceu no último domingo.

E Maurizio Arivabene começou por frisar que “a equipa sofreu porque uma pessoa ficou magoada”. “Por isso, era do nosso interesse rever todo o procedimento”, disse o italiano ao «Motorsport.com» ressalvando que a Ferrari tem um “procedimento para garamtir que todas as paragens na box durante a corrida são tão seguras quanto possível”.

“Nesta caso, temos três fatores: o controlo humano, o mecânico e um dispositivo eletrónico”, revelou Arrivabene assumindo que foi o terceiro que esteve na origem do acidente. O controlo humano respeita aos elementos da equipa na box, o mecânico cinge-se à pistola utilizada para aparafusar e desaparafusar as rodas e o eletrónico respeita a um sensor que determina se a roda está bem apertada.

É este dispositivo eletrónico que, depois de determinar que a roda está bem apertada dá a luz verde para o piloto arrancar. Arrivabene explicou que isto levou a uma “má avaliação da roda de trás esquerda”, pois a informação “não foi lida de forma perfeita pelo aparelho eletrónico, que deu a luz verde”.

Ou seja, como acrescenta a publicação norte-americana, a pistola foi ativada uma vez, mas a roda não saiu. E, quando foi ativada uma segunda vez ainda para retirar a roda, a eletrónica assumiu que era a ação para aparafusar a roda e deu o sequente sinal verde.

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais