GP das Américas: Marquez vence; Rossi lidera Mundial

Marc Marquez venceu o Grande Prémio das Américas em MotoGP. É a primeira vitória do espanhol da Honda na temporada, a quinta consecutiva no traçado texano, igualando o registo que já na véspera havia alcançado então no número de pole-positions.

A partida ficou marcada pelo arranque-canhão de Dani Pedrosa, que saltou de quarto para a liderança, e foi aguentando Marc Márquez até meio da corrida, quando não resistiu ao terceiro ataque do tricampeão. A partir daí Marquez foi embora, que permitiu garantir a sua primeira vitória do ano.

Sem andamento para acompanhar Márquez, Dani Pedrosa também não resistiu ao ataque de Valentino Rossi, que somou o terceiro pódio do ano, sendo o único piloto que terminou no pódio todas as corridas realizadas, o que lhe permite saltar para a frente do Mundial com mais 6 pontos que Maverick Viñales.

O italiano ainda conseguiu ganhar tempo suficiente a Pedrosa para "contornar" os 0,3 segundos de penalização de que foi alvo devido a um "toque" do ousado Johann Zarco na curva 4, onde os comissários entenderam que o italiano cortou caminho e ganhou vantagem com essa situação.

Quanto a Maverick Viñales, o vencedor dos dois primeiros Grandes Prémios abandonou nas primeiras voltas da corrida devido a queda quando rodava em quarto.

O quarto lugar ficou para Cal Crutchlow, que bateu Johann Zarco como o melhor piloto satélite em competição. Zarco foi quinto, na frente de Andrea Dovizioso que com uma prova em solitário foi o melhor piloto da Ducati, de Andrea Iannone e Danilo Petrucci, ultrapassou Jorge Lorenzo nas últimas voltas.

Filme da corrida:

A tradicional selfie do pódio no Texas:

Classificação final:

Valentino Rossi termina em segundo e salta para a liderança no Mundial de Pilotos, com mais 6 pontos que Viñales e 18 que Marquez.

Dani Pedrosa fecha o pódio em Austin com o terceiro lugar

MARC MARQUEZ VENCE O GP DAS AMÉRICAS!!!

Marquez caminha seguro para a primeira vitória no campeonato.

Entretanto, Rossi ganha mais de três segundos de vantagem sobre Pedrosa e deverá garantir o segundo lugar

ÚLTIMA VOLTA!!!

A ultrapassagem de Rossi a Pedrosa.

ROSSI PASSA PEDROSA e sobe a segundo. Recorde-se que o italiano terá 3 décimas de segundo somados ao seu tempo.

Susto para Marc Márquez na primeira curva.

Na travagem, a Honda saltou e Marquez saiu um pouco largo.

Outra luta interessante é pelo quarto lugar entre Zarco e Crutchlow. Últimas voltas prometem

As atenções estão agora centradas na luta pelo sétimo lugar, entre Lorenzo e Iannone

Enquanto isso Pedrosa tem Rossi na sua traseira.

Marquez dispara na frente e alcança os 328 km/h de velocidade máxima

Ponto de situação: 1)Marquez 2)Pedrosa 3)Rossi 4)Zarco 5)Crutchlow 6)Dovizioso 7)Lorenzo 8)Iannone 9)Miller 10)Folger

Aleix Espargaro regressa à pista. Objetivo é acumular quilómetros com a Aprilia

Pedrosa e Marquez taco a taco.

Sam Lowes cai e Aprilia fica sem pilotos em pista depois de Aleix Espargaró abandonar com problemas

Pedrosa não desiste e está colado a Marquez

Rossi PENALIZADO!

Três décimas de penalização para o italiano por ter cortado a chicane, ganhando vantagem, depois do toque com Joahann Zarco.

Tempo será somado ao tempo final da corrida.

MARQUEZ passa Pedrosa e salta para a frente da corrida.

Queda de Loris Baz, que abandona

Marquez volta a tentar, mas Pedrosa defende-se bem. Rossi e Zarco aproveitam para se aproximar dos dois primeiros.

Marquez ao ataque. Ultrapassagem parece iminente

Zarco dá um chega para lá em Rossi, que sai ligeiramente de pista. Mas mantém o terceiro lugar

Ponto de situação: 1)Pedrosa 2)Marquez 3)Rossi 4)Zarco 5)Crutchlow 6)Dovizioso 7)Lorenzo 8)Miller 9)Folger 10)Redding

Pedrosa e Márquez já têm mais de meio segundo de vantagem sobre Rossi e Zarco

Pedrosa e Marquez rodam muito próximos. Rossi já a alguma distância.

Queda de Maverick Viñales e abandono para o líder do Mundial.

A partida para o GP das Américas em MotoGP.

Pedrosa na frente. Segue-se Marquez, Rossi e Viñales.

PARTIDA PARA O GP DAS AMÉRICAS. Pedrosa surpreende tudo e todos e salta para a frente

Márquez arranca com pneu duro dianteiro e médio atrás. Maverick e Rossi fazem-no com médios em ambos.

Está terminada a volta de aquecimento. Vamos para a partida...

Os pilotos arrancam para a volta de aquecimento.

Tudo pronto para o arranque...

Falta pouco para começar o GP das Américas de MotoGP. Ouve~se o hino do país anfitrião da terceira prova da temporada.

A segunda linha terá Dani Pedrosa, o surpreendente Johann Zarco e Jorge Lorenzo

Em quem aposta para a vitória em Austin: Marquez, Viñales, Rossi, ou outro?

Marc Máquez está na pole-position, com Maverick Viñales e Valentino Rossi ao seu lado na primeira fila.


Partilhar

Comentários

GP das Américas: Marquez vence; Rossi lidera Mundial

Marc Marquez venceu o Grande Prémio das Américas em MotoGP. É a primeira vitória do espanhol da Honda na temporada, a quinta consecutiva no traçado texano, igualando o registo que já na véspera havia alcançado então no número de pole-positions.

A partida ficou marcada pelo arranque-canhão de Dani Pedrosa, que saltou de quarto para a liderança, e foi aguentando Marc Márquez até meio da corrida, quando não resistiu ao terceiro ataque do tricampeão. A partir daí Marquez foi embora, que permitiu garantir a sua primeira vitória do ano.

Sem andamento para acompanhar Márquez, Dani Pedrosa também não resistiu ao ataque de Valentino Rossi, que somou o terceiro pódio do ano, sendo o único piloto que terminou no pódio todas as corridas realizadas, o que lhe permite saltar para a frente do Mundial com mais 6 pontos que Maverick Viñales.

O italiano ainda conseguiu ganhar tempo suficiente a Pedrosa para “contornar” os 0,3 segundos de penalização de que foi alvo devido a um “toque” do ousado Johann Zarco na curva 4, onde os comissários entenderam que o italiano cortou caminho e ganhou vantagem com essa situação.

Quanto a Maverick Viñales, o vencedor dos dois primeiros Grandes Prémios abandonou nas primeiras voltas da corrida devido a queda quando rodava em quarto.

O quarto lugar ficou para Cal Crutchlow, que bateu Johann Zarco como o melhor piloto satélite em competição. Zarco foi quinto, na frente de Andrea Dovizioso que com uma prova em solitário foi o melhor piloto da Ducati, de Andrea Iannone e Danilo Petrucci, ultrapassou Jorge Lorenzo nas últimas voltas.

Filme da corrida:

Partilhar

Comentários

Comments are closed.