Mercedes: «O nosso carro é o mais rápido da F1»

A dobradinha da Mercedes no GP de Canadá de Fórmula 1 em resposta aos quarto e sétimo lugares no Mónaco (onde a Ferrari ficou com os dois primeiros lugares) deixa a equipa alemã confiante; não só em relação ao futuro da época, mas já em relação ao presente com o «carro mais rápido da grelha».

«Brincámos com ser um pouco uma diva, mas é um bom carro, embora às vezes possa ser difícil», afirmou Toto Wolff, como já tinha feito, em relação ao que é preciso afinar: «Isto é algo que temos de aceitar para que possamos perceber as muitas características positivas que tem.»

Inequivocamente, apesar de ser uma diva que ainda carece de pleno entendimento, o diretor executivo da Mercedes está satisfeito com o W08 EQ Power+: «Acredito que o nosso carro é o mais rápido na grelha a eu não quereria qualquer outro.»

«Ver que todo o trabalho de análise feito depois do Mónaco resultou tão bem no Canadá deu-nos grande satisfação. Agora é manter o momento», assumiu o austríaco com confiança no futuro: «Quando temos um dia mau, podemos ir abaixo ou refazermo-nos e trabalhar nisso. Foi o que fizemos.»

Wolff refere-se ao fim de semana do Mónaco como «os dias que fazem evoluir mais do que os dias bons». «Como diz o ditado, o sucesso é um péssimo professor», concluiu.

Partilhar

Comentários

Comments are closed.