Mulher condenada a andar com placa “Idiota” no carro

O caso foi contado pelo Autoportal no último mês de setembro. Shena Hardin é uma mulher de 32 anos que tinha por hábito conduzir o seu Jeep Compass de forma frequente por cima de um passeio junto a uma escola, para evitar o tempo de espera atrás do autocarro escolar, enquanto as crianças saíam.

O motorista do autocarro, farto de assistir à transgressão, alertou a polícia que se tratava de algo quotidiano e que a poderiam apanhar em flagrante se assim o entendessem. A polícia foi ao local à hora combinada e a história repetiu-se. Obviamente, Shena Hardin foi, de imediato, intertada.

Ora, o caso foi agora julgado e a pena aplicada pelo tribunal de Cleveland foi caricata. Para além de 30 dias sem carta de condução e de uma multa de 250 dólares (cerca de 195 euros), o juiz condenou-a a usar no carro uma placa com a inscrição: “Idiota”.

“Só um idiota conduz por cima do passeio para evitar um autocarro escolar”, justificou o juiz.

De acordo com a imprensa local, Shena Hardin terá de usar a placa no carro durante dois dias.

Recorde o incidente:

JTF

Siga o Autoportal no Facebook

Partilhar

Comentários

9 Comentários

  1. Manuel Matos on

    Se um idiota dum juiz ousasse aplicar-me tal pena, aviava-o em pleno tribunal que nenhum cirurgião plástico havia de conseguir que ele voltasse a reconhecer-se quando se visse ao espelho. Mai nada!

  2. Ah campeão… Aviavas, aviavas… Vai mas é à loja ver se te aviam um cérebro.

  3. Oh Manuel Matos pareces o Chuck Norris. Vai mas é trabalhar e faz alguma coisa de útil pelo país.

  4. Manuel Matos, acho que faria o senhor mt bem… Pelo menos a sociedade ficaria livre de pessoas estupidas e nada civilizadas como parece ser o senhor…

  5. podes crer q se eu fosse juiz andava com a merda da placa 2 anos e nao 2 dias :) tu para tares a dizer isso deves fazer cenas dessas