1 litro aos cem: Prius de ligar à tomada chega em abril

A versão Plug-in (de ligar à tomada) do novo Toyota Prius chega em abril com 50 quilómetros de autonomia real (63 km no ciclo NEDC), com preços a partir de 41.200 euros.

A grande diferença para o Prius “convencional” encontra-se na bateria, neste caso de iões de lítio com 8,8 kWh, que pode ser carregada em 3h10m numa tomada doméstica, ou em 2 horas com o sistema de carga rápida.

O motor não sofre alterações, mantendo-se o 1.8 a gasolina, de quatro cilindros VVT-i a funcionar com o ciclo Atkinson, combinado com um propulsor elétrico para debitar 122cv.

As vantagens encontram-se na autonomia elétrica de 50 km, a uma velocidade de até 135 km/h (a velocidade máxima é de 162 km/h) e um consumo médio de 1,0 litros aos cem nos primeiros 100 km. As emissões de CO2 ficam-se por 22 g/km.

Esta versão Plug-in conta ainda com um tejadilho que integra um painel solar. Esta solução permite-lhe aumentar a autonomia em modo elétrico em até 5 km.

Em Portugal, o Prius Plug-in continuará a beneficiar das vantagens fiscais introduzidas no âmbito da Reforma Fiscal Verde, e uma oferta de lançamento para clientes particulares, que inclui bancos em pele na versão Luxury.

Partilhar

Comentários

Comments are closed.