Novo Mercedes-Benz GLE aposta na imagem e na tecnologia

  • Redação Autoportal
V?DEO: Conheça o novo Mercedes-Benz GLE

A Mercedes revelou finalmente o seu novo SUV GLE, que fará a sua apresentação oficial no próximo mês de Outubro, no Salão Automóvel de Paris.

O Mercedes GLE surge com um novo design que incorpora a filosofia de pureza sensual, representando desta forma o luxo moderno. O fascínio do interior deve-se ao contraste entre o design luxuoso e elegante e a moderna tecnologia digital do sistema MBUX.

As proporções do veículo com uma distância entre eixos comprida, as curtas projeções da dianteira e da traseira e as rodas largas e alinhadas com a carroçaria não deixam margem para dúvidas de que o modelo se sente confortável e não compromete em terreno algum.

A zona frontal revela uma grelha do radiador vertical numa interpretação octogonal de um SUV, a proeminente proteção inferior cromada e o capot com duas cúpulas. A aparência atraente é enfatizada pelo distintivo design dos faróis durante o dia e a noite.

Quando observado de lado, o típico e largo pilar C do GLE transmite uma sensação de estabilidade. As rodas de grandes dimensões com jantes de 18 a 22 polegadas estão alojadas nas cavas das rodas com revestimentos salientes. Isto destaca o carácter de SUV robusto do GLE, tal como as barras longitudinais do tejadilho ou os opcionais estribos com iluminação. Os frisos cromados que circundam os vidros relembram contudo um modelo limousine premium.

A Mercedes destaca a aerodinâmica deste modelo, que apesar de volumoso tem um coeficiente aerodinâmico (Cx) de apenas 0,29, por comparação com os 0,32 do modelo anterior. Para isso muito contribuíram os espelhos retrovisores redesenhados, ou o "spoiler" traseiro que prolonga a linha do tejadilho.

A evolução estética do exterior foi acompanhada por um desenho totalmente novo do habitáculo, onde o elemento central no design do tablier é um painel de instrumentos desportivo e elegante integrado num atraente tablier. 

A proeminente e elevada consola central cria um contraste robusto com a aparência flutuante do tablier. Como uma característica típica dos modelos de todo-o-terreno, existem dois apoios de mão na consola central. Além de uma boa ergonomia, as superfícies contínuas em pele criam uma impressão moderna e luxuosa complementada por uma grande área de revestimento e cortinas de rolo alinhadas.

Todos os controlos e ecrãs têm um novo design – os controlos com resposta tátil e audível aparentam ter sido maquinados a partir de um bloco de metal.

Em matéria de arrumação a bagageira oferece um volume de 825 litros (sem a terceira fila de bancos) e pode ir até aos 2.055 litros com os bancos da segunda fila rebatidos.

Quanto à motorização, este novo GLE vai estar disponível com um novo motor de seis cilindros em linha a gasolina – na variante GLE 450 4Matic – com 367 cv de potência e 500 Nm de binário máximo. Este motor surge associado a um sistema eléctrico de 48 volts e conta com um apoio "EQ Boost" que lhe garante, pontualmente, mais 22 cv e mais 250 Nm.

A juntar a este motor vão estar ainda opções diesel e uma variante híbrida "plug-in", sendo que todas as versões do GLE vão contar com transmissão automática 9G-Tronic de nove velocidades e um sistema de tracção integral 4Matic.

No capítulo da condução, a evolução tecnológica passa pela introdução da nova suspensão hidropneumática ativa E-Active Body Control, que regula a suspensão em cada roda de forma independente, e que, no novo Mercedes-Benz GLE, surge interligada com o sistema elétrico de 48 V, pela primeira vez, em combinação com a igualmente recém-desenvolvida suspensão pneumática.

O novo Mercedes GLE vai contar, como não poderia deixar de ser, com a estreia da última geração dos sistemas de assistência à condução Mercedes-Benz que colaborativamente assistem o condutor. O nível de segurança ativa não foi só melhorado comparativamente ao seu antecessor, pois algumas funções do Intelligent Drive também são incomparáveis para além do segmento SUV.

Assim este GLE está equipado com sistemas como "cruise control" adaptativo Distronic, sistema de controlo do ângulo morto, assistente de manobras com reboque e assistente activo de direcção que o ajuda a manter nas faixas.

Destaque ainda para o Active Tailback Assist, sistema de assistência à condução que permite reconhecer outros veículos mais cedo, apoiar o condutor em trânsito congestionado até 60 km/h e, inclusivamente, ajudar a abrir uma faixa de emergência para a passagem dos serviços de emergência.

O novo Mercedes-Benz GLE vai ser apresentado oficialmente ao publico já em outubro e a sua comercialização tem inicio em 2019.

Novo Mercedes GLE chega em 2019

Comentários

Veja mais